Mensagem de Sua Excelência o Presidente da República, Jorge Carlos de Almeida Fonseca, pelo falecimento da Drª Helena Lopes da Silva, Conselheira da República

16

“Foi com profunda dor e consternação que recebi a notícia do falecimento da Drª Helena Lopes da Silva, em Portugal, amiga pessoal de longa data e Conselheira da República. Um desaparecimento repentino e inesperado que representa uma perda profunda, primeiro para a família e para Cabo Verde, de uma forma geral. Militante da causa da liberdade, da democracia e da independência de Cabo Verde, desde a primeira hora, a Dra Helena Lopes da Silva sempre esteve na linha da frente do combate por uma sociedade mais justa.

Desde os seus tempos de estudante de Medicina, em Portugal, e no dealbar da independência do seu país, Cabo Verde, Helena Lopes da Silva foi incansável lutadora na defesa dos ideais humanitários. Integrou movimentos políticos portugueses e cabo-verdianos, inclusive na clandestinidade, e era uma das maiores referências da comunidade Cabo-verdiana em Portugal, sempre preocupada e oferecendo a sua competência, lá onde fosse preciso.

No período já da consolidação democrática, quer em Portugal quer em Cabo Verde, as suas ideias e a sua voz foram sempre escutadas, sobretudo em Cabo Verde, onde ocupava actualmente um lugar no Conselho da República, tendo me acompanhado em diversas visitas oficiais.

Assim, é com profundo pesar que tomo conhecimento do seu falecimento, uma perda irreparável que nos deixa a todos mais pobres. Em meu nome pessoal e de todos os cabo-verdianos, envio as minhas sentidas condolências à família enlutada, nesta hora da dor que nos atravessa, bem como aos seus muitos amigos e amigas, que também puderam testemunhar a sua generosidade e amizade”.

O Presidente da República,
Jorge Carlos de Almeida Fonseca