Presidente da República lança ideia de os cabo-verdianos concederem UM DIA DE SALÁRIO aos afectados pela erupção vulcânica na Ilha do Fogo.

image

No final da ronda feita pelo Presidente da República a todas as zonas afectadas e de risco na Ilha do Fogo, apelou a um espírito de solidariedade entre todos os cabo-verdianos a uma partilha em favor das vítimas da erupção vulcânica.

O Chefe de Estado pede um esforço adicional a todos os cabo-verdianos e lança a ideia de UM DIA NACIONAL DE SALÁRIO PARA APOIO E SOLIDARIEDADE, PARA AS VÍTIMAS DA ERUPÇÃO VULCÂNICA. A ideia vai ser desenvolvida e articulada em conjunto com as Câmaras de Comércio, Centrais Sindicais, Associação Nacional de Municípios, Administração Pública e todos os segmentos da sociedade, adaptando a mesma ideia à comunidade cabo-verdiana na diáspora.

No final da visita, o Chefe de Estado disse estar com a alma sofrida depois da visita à Ilha do Fogo, na sequência da erupção Vulcânica. Elogiou o trabalho dos técnicos da Protecção Civil, as FA, Cruz Vermelha, Câmaras Municipais, PN e as demais entidades, no que toca à articulação dos mesmos para que tudo funcione e cada vez melhor.

Afirma estar esperançado de que, com a partilha de todos e da comunidade internacional, se possa aliviar o sofrimento das populações afectadas pelas lavas. Foi muito bom ter estado com as pessoas, dar as palavras de estímulo e de conforto, afiançou.