PR quer levar experiência de Barcelona na preservação patrimonial para o continente

3

PR quer levar experiência de Barcelona na preservação patrimonial para o continente

Durante o encontro que manteve, esta quinta-feira, 11, à margem da Conferência da ONU da Década do Oceano, com o Prefeito da cidade espanhola, o Chefe de Estado manifestou esta vontade e obteve toda abertura para uma cooperação tripartida em que também deseja associar a UNESCo, no quadro da sua agenda como Champion da União Africana para a Preservação do Património Natural e Cultural de África.

O Chefe de Estado aponta, por outro lado, o Forte São Filipe, no centro histórico Cidade Velha Património da Humanidade, construído durante a ocupação espanhola, um fator para promover a cooperação entre os dois países no domínio da cultura e das industrias criativas, para uma continuada qualificação do turismo no arquipélago.

José Maria Neves espera que haja oportunidade, proximamente, de o prefeito de Barcelona deslocar-se a Cabo Verde para “dar asas” a essas possibilidades.


Já à tarde, o Presidente da República, José Maria Neves, visitou o Foment del Treball ( Câmara de Comércio) de Barcelona, como forma de promover o reforço da parceira económica com as Ilhas.

A instituição mostrou-se disponível para apoiar Cabo Verde na realização de uma jornada económica, aqui em Barcelona, com o objetivo de apresentar ao setor empresarial catalão o país e as oportunidades de investimento nas ilhas.

O Presidente da República iniciou, entretanto, o dia hoje com uma passagem pela Basílica da Sagrada Família, um imponente templo expiatório projetado pelo famoso arquiteto Gaudi. A sua construção foi iniciada em 1882, mas ainda hoje tem obras a decorrer.

O monumento, um dos mais visitados da cidade de Barcelona, impressiona pelos detalhes das suas fachadas e esculturas que, para os Cristãos, retratam a vivência de Jesus Cristo, mas também as suas grossas e infinitas colunas iluminadas pelas suas belas e detalhadas janelas.
De seguida, o Chefe de Estado visitou o Museu Nacional de Arte da Catalunha, que preserva e expõe a coleção de arte catalã, uma das mais importantes do mundo.

Uma das grandes atrações é a sua coleção de arte Românica, também considerada uma das mais completas a nível global.