Mensagem de felicitações de S.E. o Presidente da República, Jorge Carlos Fonseca, dirigida a João Branco, pela 24ª edição do MINDELACT – 2 a 11 de Novembro de 2018

8

Caro João Branco,

É com enorme satisfação que me associo a mais uma grande festa do teatro – o Mindelact – que de hoje até ao dia 11 irá concentrar as atenções do país, no plano cultural. São vinte e quatro edições a criar, formar e a entreter um público que também cresceu com esta que é uma verdadeira montra do teatro nacional e não só. Para muitos, os mais novos, trata-se de um certame que sempre existiu, desde que se lembram de ser gente; para nós, os mais velhos, um marco na história da dramaturgia cabo-verdiana e uma marca que todos os anos, não só neste período, mas igualmente com várias iniciativas durante o Março, Mês do Teatro, leva o nome de Cabo Verde mais longe. Se o leva, também traz ao nosso país grupos, actores, encenadores, produtores, de diversas paragens, e que assim também levam consigo um pedaço do nosso caldo cultural.

Mindelact tornou-se sinónimo de cultura, aposta, qualidade, perseverança, atitude, inovação, inconformismo, rebeldia, e um incontornável parceiro das instituições públicas ligadas à cultura. Temos de reconhecer que são mais de duas décadas a representar a vida nas suas mais variadas facetas, metaforizando o dia a dia, desmistificando ansiedades, mitigando e refazendo os contornos e os efeitos de dor e sofrimento, mas também exaltando a alegria, o sonho, o desejo, a ambição do homem e da mulher cabo-verdianos, a nossa capacidade para rirmos de nós mesmos, como os clássicos nos legaram, desde tempos remotos da Humanidade.

Assim como outros movimentos culturais que, em determinado momento, marcaram a cultura das ilhas, como a revista Claridade e os seus mentores, também o Festival de Teatro Mindelact ocupa, neste final do século XX e inícios do XXI, um lugar de destaque no panorama cultural de Cabo Verde. Uma página inscrita na história do nosso país, bem como na vida de todos os jovens actores, encenadores, produtores, entre outros, bem como do público, que se alimenta do e com o vosso trabalho, ao longo do tempo.

Quero aqui enviar os meus parabéns por mais uma edição deste Festival, já na plena maturidade e agora, nos últimos anos, saindo do seu espaço original, a cidade do Mindelo, para ir ao encontro de outros públicos, outros espaços e palcos das nossas ilhas.

Regozijo-me, igualmente, pela riqueza e variedade da programação e a vontade, mais uma vez, demonstrada em ir ao encontro dos vários públicos das artes cénicas, com especial atenção para os mais jovens, contribuindo assim também para a formação do seu carácter, enquanto ser humano. Nunca é demais exaltar esse contributo, ao longo dos anos, e a preocupação demonstradas pelo Festival, nesse sentido.

Teatro é vida, teatro é cultura, teatro é riqueza.

Um bem haja e sucessos para esta 24ª edição do Mindelact, 2018