PR lamenta passamento físico de PR da Namíbia

16

É com profundo pesar que o Presidente da República, José Maria Neves, recebeu a triste notícia do falecimento de Sua Excelência Hage Geingob, o Presidente da República da Namíbia. O passamento físico de Geingob, ocorrido na madrugada do dia 04 de fevereiro, no Hospital Lady Pohamba, em Windhoek, diz o Chefe de Estado cabo-verdiano, “representa uma grande perda para a Namíbia e para a África.”

Hage Geingob, figura destacada do nacionalismo e combatente na luta de libertação, recorda o Presidente Neves, foi o principal arquiteto da Constituição namibiana, destacando-se também como um grande estadista. O seu legado de dedicação à causa nacional e continental deixa uma marca indelével na história política africana.

Neste momento de luto e tristeza, o Presidente José Maria Neves, em carta endereçada ao Presidente interino da Namíbia,  o Senhor Nangolo Mbumba, expressa as mais sentidas condolências à  família enlutada de Hage Geingob e a toda a nação namibiana, reconhecendo a dimensão da irreparável perda.

O Presidente Neves reafirma a total solidariedade de Cabo Verde para com a Namíbia neste momento difícil. A África perde um líder notável, mas a memória e o exemplo de Hage Geingob continuarão a inspirar as gerações futuras.

“Aceite, Senhor Presidente Interino, os protestos da mais elevada consideração do povo cabo-verdiano e do Presidente da República neste momento de dor e consternação”, conclui Sua Excelência, o Presidente da República, José Maria Neves.