Mensagem de Sua Excelência, o Presidente da República, em alusão ao Dia da mulher Cabo-verdiana

18
No Dia da Mulher Cabo-verdiana, Sua Excelência, o Presidente da República, José Maria Neves, endereça uma mensagem de felicitação a todas as mulheres de Cabo Verde. O PR Neves destaca a importância das nossas mulheres no processo de afirmação e desenvolvimento das Ilhas, com a sua determinação e resiliência, e enfatiza a equidade entre homens e mulheres, todos iguais “em dignidade e direitos.”
 
 
FELIZ DIA DA MULHER CABO-VERDIANA
 
Sou uma testemunha da força da mulher cabo-verdiana. Em todas as ilhas identificamos mulheres poderosas, que têm ajudado as suas comunidades e o país a crescer todos os dias.
 
Avançamos muito, nos últimos anos, nos domínios da igualdade e equidade de género. Mas os desafios são, ainda, enormes. Temos muito caminho pela frente nos domínios da educação, saúde, emprego e segurança social. Só com mais crescimento económico e mais investimentos sociais poderemos combater globalmente a pobreza extrema, as desigualdades e a violência. A ambição é a de construir um país moderno, próspero, justo e inclusivo, com iguais oportunidades e rendimentos para homens e mulheres.
 
Nessa luta de todos os dias, temos de ter consciência de que as mulheres são ainda as mais discriminadas, devendo as políticas públicas considerar o esforço necessário para que elas ganhem mais poder e força em todos os espaços políticos, económicos e sociais.
 
Insisto em como a maternidade e a paternidade irresponsáveis, a violência sexual contra menores e a violência com base no género são nódoas que envergonham sobremaneira a sociedade cabo-verdiana. Nos últimos dias, os fenómenos de feminicídio têm chocado o país. Temos de agir a montante, no empoderamento das famílias, no reforço da educação, na pedagogia cidadã, cada um – Estado, sociedade civil, cidadãos – cumprindo as suas responsabilidades.
 
Vivemos tempos cruciais e difíceis, é nossa obrigação sermos disruptivos em tudo o que fazemos e formar políticas públicas absolutamente inovadoras. Só assim, estaremos à altura dos desafios do país, só assim criaremos as condições para uma sociedade mais justa e mais inclusiva, onde os homens e as mulheres vivem com igual dignidade.
 
A nossa luta é para que todos os dias sejam dias de os homens e as mulheres caminharem juntos nas desafiantes jornadas que estão à nossa frente. Tempos futuros em que já não precisaremos de um dia para as mulheres, porque o ano todo será de todos, homens e mulheres, iguais e irmanados, na busca da felicidade.