PR apela à busca de consensos sobre o Orçamento de Estado 2023

23

O Presidente da República salientou, após encontro com o Primeiro-Ministro esta quinta-feira, para apresentação do Orçamento de Estado de 2023 (OE 2023), a necessidade de um amplo debate com a participação de todos os atores políticos e sociais para os necessários consensos em torno deste importante instrumento de governação e que tenha em conta o difícil contexto internacional atual. Não obstante o Governo ter maioria confortável que lhe permita aprovar o documento, José Maria Neves, realça que “o que está em causa é a capacidade nacional, o entendimento nacional para fazer face aos enormes desafios que temos pela frente”.

Nisso, o Presidente Neves assinala algumas questões prementes a ter em conta neste OE, nomeadamente a empregabilidade e o emprego, a problemática social “para se garantir mais rendimento às famílias”, assim como apoio às empresas para se fazer face a esses tempos “mais difíceis”.

Outrossim, a melhoria da qualidade na saúde e na educação são outros aspetos que demandam um “forte entendimento entre as forças políticas e, também, todas as organizações representativas da sociedade civil, designadamente as empresas e os sindicatos.

Entretanto, o Presidente da República registou com apreço a disponibilidade demonstrada pelo Chefe do Governo para o diálogo, para a busca de entendimentos e, sobretudo, para uma discussão muito alargada deste OE”, salientando que os cabo-verdianos devem estar cientes dos recursos que estão disponíveis, onde é que esses recursos irão ser aplicados”.

Na sequência, Neves apela aos cidadãos para que cada um “acompanhe, de forma muito comprometida, o debate desse orçamento…”, e lembra que o debate sobre o OE é um “momento alto de qualquer país e é preciso que a sociedade civil acompanhe com atenção o que vai acontecer”.    

Veja as declarações do PR em vídeo, aqui: