Presidente da República realiza visita de trabalho ao Reino da Espanha

58

Sua Excelência o Presidente da República, José Maria Neves, efetua, entre os dias 5 e 12 de abril, uma visita de trabalho ao Reino da Espanha, no quadro da sua participação, representando o país ao mais Alto Nível e enquanto Patrono da Aliança da Década do Oceano, na Conferência das Nações Unidas para a Década dos Oceanos, a decorrer entre 09 e 12 de abril, em Barcelona.

O Chefe de Estado estará a cumprir, durante uma semana, uma intensa e multifacetada agenda, visando o reforço das relações de cooperação no âmbito bilateral e multilateral, dando uma atenção também especial às comunidades cabo-verdianas radicadas nas regiões de Madrid, Galiza, Leon e Barcelona.

A visita de José Maria Neves começa pela região de Madrid, estando previstos encontros com altas autoridades do país, com representantes de organismos internacionais e com as comunidades cabo-verdianas, além de uma série de visitas a pontos de interesse para Cabo Verde e para a nossa diáspora em Espanha.

Merece destaque na Agenda do Mais Alto Magistrado da Nação a receção por Sua Majestade o Rei Filipe VI, no dia 9 de abril, no Palácio de la Zarzuela, em Madrid, a visita à Sede da Organização Mundial do Turismo, seguida de um encontro com o Secretário-Geral da ONU Turismo, o Senhor Zurab Pololikashvili, no dia 5 de abril, e com a Diretora-Geral da UNESCO, a Senhora Audrey Azoulay, no dia 10 de abril, já em Barcelona.

Ainda em Madrid, no dia 6 de abril, José Maria Neves visita a prefeitura de Parla, faz uma passagem pela livraria “Casa del Libro” e será o convidado de honra nas atividades comemorativas que assinalam o Dia da Mulher Cabo-verdiana, além de se reunir com a comunidade cabo-verdiana ali radicada.

Já no dia 7, o Presidente da República, visando alcançar as nossas gentes nos lugares mais remotos, desloca-se à Região Autónoma de Galiza, no Noroeste de Espanha, para um encontro com a emblemática comunidade cabo-verdiana em Burela. Mas antes, o Chefe de Estado visitará a Catedral de Santiago de Compostela, a Prefeitura de Burela bem como o Barco Museu e o porto da cidade, além de uma Exposição fotográfica “Cidados na Diáspora”, de mulheres cabo-verdianas. De referir que grande parte dos nossos conterrâneos na região, desde as primeiras gerações de emigrantes, tem na pesca a sua principal ocupação e fonte de rendimento.

No dia 8, o Chefe de Estado dedica a sua agenda à região de Leon, com visitas às prefeituras de Ponferrada e Bembibre, às três associações cabo-verdianas (Associação Cabo-verdianos de Ponferrada e duas em Bembibre: Amilcar Cabral e Caboberdianos Unidos) e ao Museu da Fundação Cultural Minera, que dedica uma sala a Cabo Verde. O dia em Leon também será encerrado com um encontro com a comunidade cabo-verdiana ali residente.

Durante a sua estada em Madrid, o Chefe de Estado fará, ainda, a entrega dos galardões a dois cientistas condecorados por ocasião do 5 de Julho, no ano passado, pelo valioso contributo na preservação ambiental aqui no país.

No dia 10, o Presidente da Republica desloca-se à cidade costeira de Barcelona para participar, enquanto Patrono da Aliança da Década das Nações Unidas para o Oceano e Champion da União Africana da Preservação do Património Natural e Cultural de África, na Conferência das Nações Unidas para a Década do Oceano.

José Maria Neves será um dos oradores convidados a intervir na abertura do Encontro de Alto Nível, que reúne a comunidade internacional e os parceiros para um diálogo construtivo sobre os progressos e as prioridades conjuntas para o futuro, três anos após a declaração da Década das Nações Unidas das Ciências do Oceano para o Desenvolvimento Sustentável 2021-2030, iniciado em 2021 sob o lema “A Ciência que precisamos para o Oceano que queremos”. À margem da conferência o Chefe de Estado tem na agenda encontros bilaterais com alguns homólogos e altos representantes, como a Diretora-Geral da UNESCO, a Senhora, Audrey Azoulay,

Ainda em Barcelona José Maria Neves visita a Basílica Sagrada Família, o Museu de Arte Contemporânea, a Prefeitura local e uma estrutura de Fomento Empresarial, além de se reunir com a comunidade cabo-verdiana na região.