“Nesses tempos de grandes desafios para a humanidade, é importante lembrar Cabral”

12

O Presidente da República, José Maria Neves, destacou esta tarde, na abertura do Colóquio Centenário Amílcar Cabral, promovido pela Rosa de Porcelana Editora, a importância de revisitar o legado do líder Bissau-guinense/cabo-verdiano em tempos de crise no mundo. “Nesses tempos de grandes desafios para a humanidade, é importante lembrar Cabral, referenciá-lo enquanto um homem que lutou pela paz, pela igualdade, pela fraternidade e pelo desenvolvimento”, resumiu Neves, em entrevista à Rádio Vaticano, a ressaltar a capacidade de Cabral de mobilizar uma geração em prol da luta pela independência e liberdade, e de construir ideias sobre a construção do Estado e o desenvolvimento para garantir a dignidade humana após a independência

Questionado sobre a atualidade do pensamento de Cabral, Neves enfatizou a importância da paz e da solução negociada de conflitos. “Cabral sempre propugnou a solução negociada dos conflitos, a paz e relações de cooperação que pudessem levar ao desenvolvimento e à dignidade da pessoa humana”, lembrou. Daí que Neves defenda a necessidade de ler e refletir sobre o legado de Cabral, não para encontrar respostas prontas, mas para formular questões adequadas aos tempos atuais e buscar soluções”. Cabral, reflete, “foi um homem que viveu o espírito da sua época.”

E, à luz dos ideais de paz, de fraternidade, igualdade e fraternidade, defendidos por Cabral, mais uma vez, o Chefe de Estado condenou a invasão russa à Ucrânia e o ataque terrorista do Hamas, assim como a resposta desproporcional de Israel, reafirmando a importância da paz e da solução negociada, princípios consubstanciados na própria Constituição cabo-verdiana. “Fundados em Cabral, podemos pensar na efetiva construção de uma rota para a paz na Ucrânia, para defender o direito internacional, a não subjugação de nenhum povo, a não destruição de nenhum povo”, reflete o Mais Alto Magistrado da Nação.

Cabral, conclui o Presidente Neves, ensina-nos os caminhos da paz e da fraternidade, e é isso que precisamos nesses tempos de hoje”.

Confira as declarações do PR, aqui no vídeo, e veja/leia o discurso, na íntegra, no link mais abaixo: