Mosteiros quer apoio do PR para encontrar novos mecanismos de financiamento

13

O presidente da Câmara Municipal dos Mosteiros conta com a magistratura de influência do Presidente da República para ajudar a edilidade a encontrar novos mecanismos de financiamento para projetos que promovam o desenvolvimento do Município.

Fábio Vieira manifestou esta vontade esta segunda-feira, no Palácio do Platô, ao ser recebido, em audiência, pelo Chefe de Estado, que demostrou toda abertura em apoiar o município, na linha da preocupação já demostrada por José Maria Neves de haver um reforço do poder local em Cabo Verde.

“O grande problema tem sido a falta de recursos para financiar o desenvolvimento dos municípios, portanto, havendo a disponibilidade do Sr. Presidente da República e havendo a disponibilidade do governo penso que podemos, sim, adotar novos mecanismos de financiamento e permitir que os municípios tenham acesso a recursos e possam implementar um conjunto de políticas públicas que vão promover o desenvolvimento social e económico e,  consequentemente, melhorar a qualidade de vida das populações” perspetiva o edil mosteirense.

Em relação ao mau ano agrícola, Fábio Vieira diz que o impacto no seu município é terrível. O responsável alerta que, embora Mosteiros tenha registado alguma chuva, a produção é nula e a população, sobretudo rural, vem enfrentando dias difíceis, pelo que há necessidade de garantir algum rendimento às famílias.

Mosteiros, recorda-se, acabou por também ser incluído no Plano de Mitigação do Mau Ano Agrícola apresentado pelo governo. Vieira aguarda, agora, pela distribuição das verbas disponibilizadas pelo executivo para saber até que ponto a edilidade vai conseguir executar o próprio plano concebido localmente para fazer face aos efeitos da seca e do mau ano agrícola.