Presidentes da Câmara e da Assembleia Municipal agradados com a “Presidência na ilha” de São Vicente

17

Os Presidentes da Câmara e da Assembleia Municipais de São Vicente demonstraram, hoje, satisfação pela iniciativa “Presidência na ilha”, inaugurada terça-feira, pelo Chefe de Estado, em São Vicente.

Augusto Neves e Dora Pires demostraram este agrado depois de serem recebidos, em audiência, por José Maria Neves, no Palácio do Povo.

“É uma grande satisfação ter esta oportunidade, essa primeira audiência, e poder falar da ilha de São Vicente. Praticamente nós falamos de tudo, da situação da ilha a nível financeiro, a nível político, falamos das obras, da situação da Câmara Municipal” referiu o presidente da edilidade sãovicentina que espera, no próximo ano, a retoma da dinâmica das atividades económica e culturais na ilha, depois de quatro anos de seca e do contexto pandémico.

Em declarações à imprensa, a Presidente da Assembleia Municipal também considerou feliz a iniciativa da Presidência aberta do Chefe de Estado.

“Nós dissemos à Sua Excelência o Presidente da República que é algo muito bom, que poderá trazer maior motivação”, quer para o público, quer para o privado, as instituições, o empresariado e o povo em si, além da Câmara e da Assembleia Municipal. “Quando o povo elege, quer também que os seus eleitos estejam perto do povo”, referiu Dora Pires.

A responsável, que esteve acompanhada dos líderes das bancadas na Assembleia Municipal, disse que no encontro um dos integrantes pediu a magistratura de influência do Chefe de Estado no sentido de promover um diálogo para a promoção de entendimentos na Câmara Municipal de São vicente, para que as coisas posam fluir.  

Pires acredita que o Chefe de Estado, que “nos 100 dias de mandato tem sabido ser imparcial e dialogante com todos”, tudo irá fazer para ajudar a criar os consensos necessários.

A “Presidência na ilha” prossegue esta quinta-feira, em São Vicente com a entrega das Cartas Credenciais por parte de quatro novos embaixadores, não residentes audiências a entidades e representantes de Organizações Não Governamentais e uma visita do Presidente da República ao Centro Oceanográfico de Mindelo.